Você está pensando em prestar o vestibular da Fuvest em 2014? Vai aí uma dica da equipe do Ctrl Zeta.

A obra de Eça de Queiroz : “A Cidade e as Serras“, lançada em 1901 no movimento literário do romantismo, é uma das obras obrigatórias deste ano.

O enredo é narrado por José Fernandes, morador de Tormes, que conta a história de Jacinto, herdeiro de uma fortuna que sua família construiu com a exploração agrícola em Portugal.

Jacinto sempre detestou a vida no interior e morou em Paris durante toda a sua vida, porém diversos incidentes ocorreram na capital francesa, deixando-o desanimado e insatisfeito com a vida na cidade. Porém, o fator determinante que o faz viajar ao interior é o desabamento de uma das suas propriedades.

Logo que chega, Jacinto fica impressionado com o quão rústico e atrasado o lugar é quando comparado à Paris, mas aos poucos ele se deixa encantar pela natureza e começa a gostar. Ele passa a nutrir tamanho carinho pelo local e começa a fazer benfeitorias e reformas na cidade e caridades aos moradores.

Por fim, a prima do narrador José Fernandes, Joaninha, conquista o coração do protagonista. Ele se casa com ela, tem filhos e encontra no campo, a felicidade com a qual sempre sonhou.

Algumas informações sobre a obra

Quando aconteceu: a história passa em Paris e nas serras de Portugal. Acontece em 1834, quando o avô do personagem principal, Jacinto, vai para a França, e em 1893, na volta definitiva dele para Portugal.

Linguagem: a linguagem da obra é formal, com expressões comuns da época como “que maçada” e “que seca”, que significam “chateação”.

Narrador: o narrador-personagem é José Fernandes.

Protagonista: Jacinto

Sobre o autor

José Maria Eça de Queirós nasceu em Póvoa de Varzim, Portugal, em 1845.

Eça de Queirós foi um dos idealizadores das Conferências do Cassino Lisbonense e o fundador do Realismo em Portugal, que se deu com a publicação de O Crime do Padre Amaro, obra que causou um escândalo na época e foi bastante atacada por membros da sociedade conservadora, pois o enredo conta a história de um padre que se envolve com uma de suas “fiéis” e acaba por engravidá-la e induzi-la a um aborto. É considerado um dos nomes mais importantes da literatura.

Vale dizer que embora tenha fundado o Realismo, na obra A Cidade e as Serras o autor se afasta desse gênero e escreve de acordo com os padrões do Romantismo.

Vale lembrar que este post é apenas um resumo bem curto da obra, porém aqui no Ctrl Zeta nós disponibilizamos para Download o livro completo para você. Baixe aqui, o livro está em PDF

Deixar uma resposta

Seu email não será publicado