Para começar bem 2016, vamos falar daqueles  que nos deixam doidos de raiva, mas mesmo assim, nós os respeitamos, porque eles são fod*.

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões que amamos odiar

Para começar bem a nossa lista eu vou citar o mais apelão de todos:

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Shao Kahn: com certeza é o mais apelão, se eu fosse fazer uma lista dos 10 personagens mais apelões sem sombra de dúvida, o Shao Kahn apareceria umas 7 vezes na lista.

Jogar contra ele costuma ser uma guerra. Para ganhar dele, a maioria das pessoas usam personagens que se teletransportam, como o  Ermac, Scorpion, Raiden, Noob… Mas, isso também depende da dificuldade que você coloca. Se colocar no fácil não vai ficar fácil, mas dá pra ganhar com qualquer personagem.

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Nemesis: não tem como falar de vilão sem citá-lo. A arma suprema da Umbrella é, sem dúvidas, um dos personagens mais marcantes da franquia Resident Evil. Sem contar os diversos infartos que os gamers tiveram vendo ele pular das janelas e aparecer do nada com uma super bazuca na mão, provocando ainda mais medo. Ele não falava muito, mas o que ele falava deixava qualquer pessoas em pânico… STAAAAAARS. 

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vaas: para um bom jogo é necessário ter um bom vilão e uma boa trama e isso, Far Cry pode dizer que tem.

Vaas é o tipo do psicopata sádico que amamos odiar e contamos os minutos para que ele apareça no jogo novamente (ou não). Qualquer pessoa que joga o game fica fascinada pelo personagem, bastam apenas alguns poucos minutos de jogatina para conhecer esse sádico, filosófico, hilário e violento personagem. Vaas é, sem sombra de dúvidas, o porta voz do jogo, sendo visto em quase todos os materiais promocionais relacionados à franquia.

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

GLaDOS: se você nunca jogou esse jogo, provavelmente está se perguntando: “Ué um robô? Aff…”. Mas não é bem assim não, GLaDOS está em outro nível…GLaDOS é fascinante! Essa vilã não tem pernas, não atira em você, não te dá sustos, mas o jogo inteiro é sarcástica, homicida e tem sede de matança. Confira GLaDOS no Portal

Com GLaDOS no comando da Aperture Science, dentro do jogo, é como ser uma criança com uma mãe lunática. Você vai sobreviver a ela, você vai chegar a matá-la e você vai escapar dela. Mas no final, não ficarei surpresa se você ficar de luto.

“Esse teste foi um erro. Se fossemos você, desistiríamos agora.”

“Se passar mal por sede, sinta-se à vontade para desmaiar.”

“O regulamento me obriga a avisar que o próximo teste… está muito bom!”

“Estive muito ocupada. Sabe, depois que você ME MATOU.”

Ouvir GLaDOS ao longo do jogo é a melhor sensação do game.

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Sephiroth: alguns vilões de videogame são fruto de experimentos científicos, com  Sephiroth, não é diferente. Infelizmente para todos no planeta,  quando ele ainda era um feto, foram injetadas nele, amostras de células de uma entidade extra-terrestre, o que significa que ele cresceu para ser super poderoso e ele próprio pensou ser um deus.

O jeito de mestre e a imensa força fazem dele um inimigo formidável e seu comportamento estranhamente calmo é assustador (pior tipo de vilão, os quietinhos).

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Bowser ou Rei Koopa: pelo menos uma vez na vida, alguém torceu para ele conseguir ficar com a princesa Peach depois de tantas tentativas frustantes.

Nenhum outro vilão aparece tanto em um jogo quanto ele.

Lembrando que ele foi  eleito pelo Guiness, o Livro dos Recordes, como “o maior vilão de todos os tempos”, em termos de videogame.

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Vilões Que Amamos Odiar (FOTO: Divulgação)

Coringa: seja nos filmes ou nos jogos, Coringa é sempre o Coringa, um dos melhores vilões de todos os tempos e no videogame não podia ser diferente.

Não é simplesmente psicose ou sensação de liberdade anárquica total que tornam ele assustador. Embora ele sempre opere em um nível no qual o Batman nunca pode atacá-lo diretamente, Coringa é um inimigo poderoso, não porque ele é tão diferente de Batman, mas porque os dois são tão fundamentalmente semelhantes . Eles agem como espelho, imagens distorcidas de si próprios, dando ao outro um propósito que ele nunca poderia ter sem o seu homólogo .

Essa foi a minha lista, não tem todos o vilões, mas eu tentei colocar os mais marcantes, aqueles que realmente fizeram a diferença dentro de cada jogo. Espero que gostem. Comente se você não encontrou seu vilão favorito na lista.