O Inova Paula Souza – pertencente ao Centro Paula Souza, responsável pela administração das Etec’s e Fatec’s – em parceria com a Campus Party realizaram workshops com os alunos dos cursos de Jogos Digitais.

Os alunos apresentaram os jogos que desenvolveram na faculdade, com o intuito de promover o curso e os seus projetos pessoais.

Inova Paula Souza

Criado em 2010 o Inova Paula Souza ou Núcleo de Inovação Tecnológica do Centro Paula Souza tem como objetivo promover inovações, coordenar ações de desenvolvimento com parceiros e estabelecer novas oportunidades por meio dos alunos para o desenvolvimento social e econômico do Estado de São Paulo.

As startups e a criação de jogos digitais vêm crescendo cada vez mais no mercado de tecnologia e o Inova tem incentivado os alunos em seus projetos.

Fatec Carapicuíba na Campus Party

Dentre as 5 Fatec’s que estiveram presente no evento (Americana, Carapicuíba, Lins, Ourinhos e São Caetano) , a Fatec Carapicuíba, que no ano passado ganhou o prêmio de faculdade destaque da Campus Party, teve novamente alunos do curso Jogos Digitais apresentando seus projetos.

Desta vez foram apresentados três trabalhos: os jogos ToyZ, Hagarth’s Chronicles e Continente Zero.

ToyZ

Um jogo de estratégia do gênero Tower Defense no qual os jogadores realizam uma divertida disputa entre brinquedos.

Os brinquedos são divididos entre os brinquedos quebrados (atacantes) e os brinquedos inteiros (defensores). O objetivo é que os jogadores que estão utilizando os brinquedos inteiros consigam impedir que os brinquedos quebrados atravessem o quarto.

Para isso, o jogador recebe torres que impedem que os brinquedos quebrados tenham sucesso.

O usuário é responsável por alocar estrategicamente as suas torres. A cada sucesso do jogador com os brinquedos inteiros, ele ganha uma nova torre para combater os brinquedos quebrados e, cada vez mais a dificuldade do jogo vai aumentando.

Desenvolvido em uma Game Jam de 72 horas

Os alunos desenvolveram o jogo em uma Game Jam de 72 horas da Ludum Dare. Foi lá que receberam dicas para o aperfeiçoamento do jogo e decidiram dar sequência ao projeto.

Após recebido o feedback dos usuários no evento, fizeram uma versão web a qual apresentaram na Campus Party 2017.

No momento, os alunos estão com o desenvolvimento de uma versão mobile do jogo em andamento.

A equipe é composta por alunos do 6º ciclo:

  • Bruno Backa – Artista de Cenário
  • Fabio Maciel – Programador
  • Magno Gouveia – Programador
  • Jamison Lima – Designer de Personagem e Torres
  • Raphael Saraiva – Game Designer

O jogo tem um vídeo no Youtube demonstrando a sua jogabilidade também uma versão web disponível para que todos possam jogar.

Hagarth’s Chronicles: dispositivo e miniaturas colecionáveis em jogos digitais

Hagarth’s Chronicles é um jogo do gênero Hack and Slash que utiliza o conceito de coleção, no qual os jogadores terão que comprar ou desbloquear os personagens e seus novos itens que surgirão a todo tempo.

Os itens poderão ser adquiridos na compra de cartões, sendo assim, o usuário poderá personalizar seu personagem da maneira que desejar. A ideia é que os usuários colecionem os diversos personagens em 3D que estarão sendo criados.

O jogo promove a interação de figuras físicas com o ambiente virtual, onde as figuras impressas em 3D utilizam uma comunicação por RFID e Arduíno.

Isso faz com que o jogador tenha uma experiência única de personalizar o seu personagem com os seus itens, como trocar uma espada ou até mesmo sua cor, permitindo que cada usuário tenha seu personagem diferente dos outros. O jogo foi vencedor do pitching da Imagine Cup Launch, que foi realizado na sede da Microsoft Brasil.

A equipe também é formada por alunos do 6º ciclo e os integrantes são:

  • Rubens Pazinato Corrêa
  • Everton Roberto dos Santos
  • Fernando Augusto Silva
  • Fábio Akira Takahashi
  • Robert Santos Sartorato

      

Continente Zero: aplicação de realidade virtual na robótica

Misturando realidade aumentada e robótica, Continente Zero é um jogo de Tower Defense que tem como objetivo impedir que o inimigo destrua a sua base.

O foco do jogo é mostrar a o uso da robótica com a utilização de um Arduíno e a sua integração com realidade aumentada, utilizando um óculos Vr Box. Utilizando um robô, um óculos e um joystick , o usuário consegue visualizar o seu robô, o cenário e os seus inimigos. Com o joystick o jogador pode controlar o seu robô contra os seus adversários.

O jogo está em fase final de desenvolvimento e logo será disponibilizado.

A equipe responsável pelo jogo é composta por alunos do 6º ciclo de Jogos Digitais da Fatec Carapicuíba:

  • Bruno Girardi
  • Michelle Naomi Kimura
  • Virgíllio José de Souza Silveira

E aí gostaram dos jogos? Deixem seus comentários.