Em mesa redonda promovida pela Fatec Carapicuíba no dia 13/10 para a Semana da Tecnologia e Recrutamento, estavam presentes sete representantes dos setores de recursos humanos de algumas empresas parceiras do evento onde foram discutidos temas sobre o perfil desejado do novo profissional de TI  e as perspectivas de mercado.

Perfil do profissional de TI ingressante no mercado de trabalho

A primeira rodada de respostas girou em torno do tema:

“ O que o mercado espera de um profissional de TI que está iniciando na carreira?”

A maioria das respostas se voltaram a como um profissional (não necessariamente de TI) deve se comportar numa entrevista, dinâmica ou até dentro da empresa. Foram citados:

  • Vá preparado para a entrevista;
  • Conheça os valores da empresa pois os ideais dela podem não ser compatíveis com os seus;
  • Pense “fora da caixa” – termo em alta para designar que você deve ter visão globalizada e não convencional;
  • Seja humilde. Demostre vontade de aprender e ouvir a todos, mesmo que você seja muito bom em algo pois sempre haverá alguém melhor que você em algo;
  • soluções e não apenas indique problemas;
  • Saiba se expressar;
  • Saiba se relacionar;
  • Saiba trabalhar em equipe;
  • Entregue resultados. Sua evolução deve ser fruto do seu trabalho. Plano de carreira é consequência disso;
  • Se atualize constantemente, leia muito sobre tudo todos os dias, não só sobre tecnologia.
Pessoa em edifício empresarial - mercado de tecnologia

Bom relacionamento interpessoal é essencial para evolução

 A dificuldade que eu tenho como profissional de RH é que vocês são ótimos técnicos mas o que eu mais preciso é que vocês se desenvolvam fora do técnico.

Expectativas de mercado de TI para o futuro

A segunda rodada de perguntas abordou as:

“Expectativas do mercado para daqui 3 ou 4 anos”.

Poucas respostas citaram a atual crise político-econômica como problema. Ao contrário, ela foi considerada uma oportunidade em que algumas tecnologias específicas mais ganham devido sua natureza prospectora de novos negócios.

Para estes novos negócios o foco no cliente e saber entender suas demandas será fundamental, por isso a comunicação deve ser exercitada.

multidão atravessando rua - mercado de tecnologia

No mundo competitivo de hoje, o mercado de TI é promissor e precisa de pessoal capacitado

Além disso o mercado de TI tem apresentado crescimento contínuo ao longo dos anos no Brasil e esta curva aparece cada vez mais tendendo para o alto.

Outros pontos importantes foram apontados como:

  • O avanço da internet das coisas e sua necessidade por pessoal de TI;
  • A necessidade do domínio de lógica é mais importante que domínio de linguagens de programação pois estas tenderão a se tornar blocos a serem montados;
  • Respeito ao próximo, ética e saber se portar ainda permanecerão fundamentais.

Pontos fortes da mesa redonda

Os temas abordados foram de total interesse do público formado quase na totalidade de alunos.

Foram abordados alguns pontos importantes onde os alunos de tecnologia da informação devem se preocupar e se aprimorar além do que é passado em sala de aula. Itens como:

  • ética;
  • comunicação;
  • lógica e matemática.

Todos fazem parte da grade curricular por um motivo básico: o profissional de TI deve dominar estes temas!

Pessoa lendo jornal - mercado de tecnologia

Manter-se atualizado em todos os âmbitos é essencial

Hoje, por motivos que vão das atuais políticas de governo para a educação até a perda de perspectiva de crescimento intelectual por parte da população, estas matérias tem sido cada vez mais deixadas de lado e vistas como não importantes pelos alunos o que interfere na sua vida profissional.

A abordagem de alguns desses pontos por um dos participantes da mesa chegou a desagradar alguns alunos. Mas serve para refletir pois, apenas a forma de ser apresentado pode ter sido franca e direta, mas nenhuma mentira ou injúria foi apresentada.

Pontos fracos da mesa redonda

A formação da mesa foi totalmente voltada para a área de RH o que enfraqueceu a discussão e evolução do tema.

Uma dos temas era voltado para essa área mas o outro voltava-se para o mercado.

Mesmo com alguns participantes tendo conhecimentos de perspectivas de mercado no futuro, as respostas tenderam a ficar presas em torno do RH.

Além disso, o formato da mesa onde cada um dos 7 convidados dava sua versão sobre o mesmo tema, acabou por viciar as respostas e venceu o assunto muito rapidamente.

Uma mesa menor e com perfil mais variado poderia render mais discussão, mais a fundo com novos itens sendo apresentados, menos respostas repetidas e mais iteração entre os convidados.

Sobre quem escreve

Colunista

39 anos, Engenheiro Mecatrônico, Uber Partner e estudante de Análise e Desenvolvimento de Sistemas na Fatec São Paulo. Curto esportes, games, internet, animais e meus amigos.

Posts Relacionados